MUNICÍPIO DE CANTANHEDE DISTINGUIDO COM BANDEIRA ECO XXI

CANTANHEDE

O Município de Cantanhede voltou a ser distinguido com a Bandeira Eco XXI, galardão que premeia as boas práticas que, ao nível local, concorram para a sustentabilidade ambiental. 

Para a atribuição desta insígnia à candidatura conjunta da Câmara Municipal e da INOVA-EM, o júri da Associação Bandeira Azul da Europa considerou os bons indicadores do Município em diversos domínios, como a atribuição de bandeiras azuis a praias marítimas e fluviais, as ações de sensibilização ambiental, a percentagem de população servida por abastecimento de água de qualidade, o ordenamento do território, a beneficiação do espaço urbano e zonas verdes e a conservação da natureza e biodiversidade. 

Para a presidente do Município de Cantanhede, Helena Teodósio, esta distinção apenas “vem confirmar a aposta clara da autarquia no cumprimento dos princípios e valores da sustentabilidade ambiental”, que se materializa em investimentos em infraestruturas e equipamentos.

Ainda de acordo com a autarca, a sensibilização continua a ser “um passo decisivo”, pois “será através da educação dos mais jovens para as questões ambientais que dependerá o futuro do nosso concelho”.

Helena Teodósio reconheceu, por outro lado, “o trabalho dedicado e profissional de todos quantos na autarquia e na empresa municipal trabalham para o desenvolvimento do concelho e para a valorização da qualidade de vida dos cidadãos”.

Já o vice-presidente do Município, Pedro Cardoso, que coordena a equipa multissectorial responsável pelos 21 indicadores, entende que “mais do que o simbolismo deste galardão, o qual procura reconhecer as boas práticas de sustentabilidade desenvolvidas ao nível do município, valorizando um conjunto de aspectos considerados fundamentais à construção do Desenvolvimento Sustentável, alicerçados nos pilares da educação e da qualidade ambiental,  sabemos que, mais do que tudo, esta candidatura, ano após ano, constitui sempre uma excelente oportunidade para continuarmos a refletir, avaliar e pensar como podemos ir ainda mais longe em termos de práticas mais sustentáveis, numa perspectiva de melhoria contínua e com objetivos cada vez mais ambiciosos”.

Inspirado nos princípios subjacentes à Agenda 21, a Bandeira ECO XXI tem como objetivos “reconhecer as iniciativas/políticas em prol do desenvolvimento sustentável”, “sensibilizar os municípios para uma maior integração das preocupações ambientais nas políticas municipais” e “contribuir para a elaboração de indicadores de sustentabilidade local”, entre outros aspetos.

Posts relacionados