Scroll Top

GRANDE PRÉMIO DE MOTONÁUTICA DECORREU NA PRAIA DE MIRA

MIRA

O Grande Prémio de Motonáutica, que englobou o Campeonato Nacional AQUABIKE e a Taça de Portugal Barcos T850, teve lugar na Barrinha da Praia de Mira, no passado fim de semana, contando com mais de 30 pessoas.

Organizado pela Federação Portuguesa de Motonáutica, o evento contou com a colaboração e o apoio do Plano Nacional de Ética no Desporto, do Instituto Português do Desporto e Juventude, do Turismo Centro Portugal, da Câmara Municipal de Mira e da Junta de Freguesia da Praia de Mira

Na entrega dos prémios aos vencedores, estiveram presentes Francisco Reigota (presidente da Junta de Freguesia da Praia de Mira), os vereadores Bruno Alcaide e Tiago Cruz, Raul Almeida (presidente da edilidade mirense), Pedro Machado (presidente da Turismo Centro Portugal), Paulo Ferreira (presidente da Federação Portuguesa de Motonáutica), bem como outros dirigentes da federação.

Paulo Ferreira saudou o povo da Praia de Mira e prometeu “um campeonato internacional para esta que é a melhor praia do mundo.” E ainda referiu que a sua federação indicou o nome de Raul Almeida “como personalidade do ano.”

Pedro Machado referiu que a iniciativa “aumentou a notoriedade do Município de Mira, da própria Região de Coimbra nesta modalidade da motonáutica”, tendo sublinhado ser também “uma via importante para se poder internacionalizar.”

Raul Almeida salientou “a importância desportiva e a importância para a economia local do evento” tendo agradecido a todos “os que contribuíram para o sucesso deste Grande Prémio de Motonáutica.”

Alguns populares contactados por nós foram unânimes em considerar “este evento como um dos melhores que por aqui passou” e adiantado que “acontecimentos como o deste fim de semana, e perante esta situação de guerra que nos traz preocupados, trazem-nos ânimo e alegria para que os nossos dias sejam melhores.”

Manuel Ferreira, que veio da Costa Nova, disse ao Jornal da Gândara que “sendo eu amante deste desporto, quero dar os parabéns à Federação e aos autarcas, quer da Câmara, quer da Junta, pela ideia que aqui foi concretizada. Como ouvi há pouco, espero mesmo que uma prova internacional aconteça por aqui.”

Posts relacionados