Scroll Top

ESCOLA SECUNDÁRIA LIMA-DE-FARIA OUVIU MOVIMENTO “NÃO LIXES”

CANTANHEDE

O auditório da Biblioteca Municipal de Cantanhede foi palco de uma palestra sobre o Movimento “Não Lixes”, pelo seu mentor e ativista Fernando Jorge Paiva, dirigida aos alunos dos 11.º e 12.º anos. O objetivo foi o de dar a conhecer o movimento cívico ambientalista – Não Lixes, destacando a importância da mudança de atitudes e de comportamentos em prol de um mundo melhor.

Nesta palestra, Fernando Jorge Paiva, ativista e treinador de surf, abordou os comportamentos cívicos, a promoção dos valores e de práticas ecológicas, bem como uma reflexão sobre as consequências da sociedade de consumo e da ação humana com repercussões face ao mar. 

Esta foi também uma oportunidade para conhecer as inúmeras ações que o movimento “Não Lixes” tem desenvolvido, nomeadamente sensibilização ativa para reduzir o lixo em ambientes terrestres e, em especial, em ambientes aquáticos.

Este movimento visa essencialmente a proteção da água do mar face a qualquer tipo de poluição, proteção esta que se estende desde a praia a vários outros locais da comunidade, com especial enfoque nos locais aquáticos.

A sessão de abertura contou com a presença do vice-presidente do Município de Cantanhede, Pedro Cardoso, do diretor do Agrupamento de Escolas Lima-de-Faria, José Soares, e do docente coordenador do programa Eco-Escolas, Miguel Dias, responsável pela dinamização desta palestra. 

A propósito desta iniciativa, Pedro Cardoso referiu que “este tipo de ações são fundamentais para uma mudança de atitudes e de comportamentos em prol desta nossa casa comum que é o planeta”. 

Esta palestra é um testemunho na primeira pessoa, de quem desenvolve atividades promotoras da redução de comportamentos nocivos para a saúde do planeta, ações de sustentabilidade ambiental e de contacto com a natureza. É através do exemplo, a melhor forma de chamar a atenção dos jovens estudantes, que o Fernando Jorge Paiva pretende sensibilizar e envolver os que o rodeiam e os alunos neste desígnio em prol do planeta. Uma palestra cativante, inspiradora e de sensibilização sobre como podemos agir, urgentemente, pela saúde do nosso Planeta”, complementou.

A Escola Secundária Lima-de-Faria, de Cantanhede promoveu esta palestra na qualidade de Eco-Escola e também para assinalar simbolicamente o Dia Mundial dos Oceanos, que terá lugar a 8 de junho.

Posts relacionados