Scroll Top

“CINE OLHO” EM DESTAQUE NOS OLHOS DA FERVENÇA

CANTANHEDE

“Cine Olho 2023” ocorreu na noite de 23 de Agosto na Praia dos Olhos da Fervença (freguesia de Cadima, concelho de Cantanhede) e contou com uma agradável moldura humana, terminando com uma longa salva de palmas.

Nesta terceira edição, a organização do evento optou pela expansão do horário, de forma a congregar públicos de várias gerações e expetativas, iniciando ao fim da tarde com a animação musical e interativa, junto ao espelho de água, pelo projeto Lúcia-Lima Som Sistema, proporcionando momentos de dança, lazer e boa disposição no anfiteatro natural. De seguida, o parque das merendas acolheu o piquenique comunitário e a sessão de cinema ao ar livre.

As curtas-metragens projetadas abordaram temas como a etnografia, tradições e profissões, em especial das regiões da Gândara, da Bairrada e restante Região Centro, havendo ainda espaço para a música, documentário de intervenção cívica e cinema contemporâneo.

Foram exibidos os seguintes filmes: “Vende-se” (2011) de Humberto Guedes, “Caretos da Lagoa” (2023) de Tiago Cerveira e Município de Mira, “Pastor de Sonhos” (2016) de Paulo Fajardo, “Cultura do Mundo” de Vasco Espinhal Otero (2022), “Retire o seu Cartão” (2011) de Humberto Guedes, “Ti António Taboeira” (1990) RTP Memória, “Cinzas ao Vento (2018) de Paulo Fajardo, “Moro à Beira do Mar” de Vasco Espinhal Otero (2022) e “A Tremoceira de Cadima, Tremoço o Marisco dos Pobres” de Paulo Perdiz e Guilherme Ferro (2022). A sessão contou também com a presença dos realizadores Humberto Gudes e Vasco Espinhal Otero.

O público presente pôde sentar-se nas cadeiras, nas mantas no solo ou nas mesas de piquenique e aproveitar também a gastronomia local e bebidas refrescantes. O conceito deste evento passa precisamente por unir o convívio popular ao desfrute das artes e conteúdos.

Esta iniciativa teve com objetivo principal a dinamização e promoção cultural da Praia dos Olhos da Fervença, celebrando este ano também os 509 anos da atribuição do Foral de Cadima com uma visão cultural contínua do passado, presente e futuro da região.

A organização esteve a cargo da Lúcia-Lima Associação Cultural (que acolhe a Secção de Cantanhede do Cineclub Bairrada), com o apoio da Junta de Freguesia de Cadima e do Olhos Bar Restaurante, contando ainda este ano com colaboração do Vespa Clube Paperinos.

Posts relacionados