Scroll Top

BIBLIOTECA MUNICIPAL DE CANTANHEDE PROMOVEU ATELIÊ COM ARTESÃO MÁRIO RUMOR

Biblioteca_Municipal_promoveu_ateliê_artesão_Mário_Rumor_II

A Biblioteca Municipal acolheu hoje, dia 29 de julho, um ateliê de artesanato de reciclagem de papel, seguido de uma visita à exposição ECOar(-te) sobre Tráfico Humano que se encontra patente neste equipamento cultural.

Para o desenvolvimento desta atividade lúdica e pedagógica à qual assistiram 15 crianças e jovens do ATL do Centro Social e Polivalente de Ourentã, acompanhados pela respetiva animadora, foi convidado o artesão Mário Rumor, cujos trabalhos estiveram em exposição na Biblioteca Municipal de Cantanhede, no passado mês de junho. No ateliê, Mário Rumor realizou integralmente uma peça artesanal, mostrando aos pequenos assistentes como elabora as suas criações recorrendo a folhas de papel de jornal e, por vezes, com objetos reutilizados.

Na segunda parte da atividade, os participantes tiveram oportunidade de visitar a exposição ECOar(-te) sobre Tráfico Humano, patente na instituição durante todo o mês de julho. A visita à mostra foi coordenada pela psicóloga Iara Espírito Santo e pela educadora social Lisandra Lopes, duas das técnicas responsáveis pela organização da mostra que se associaram, uma vez mais, às atividades da Biblioteca Municipal.

Recorde-se que a exposição ECOar (-te) Sobre Tráfico Humano – Quadros e esculturas elaborados com materiais recicláveis pelos/as estudantes de Artes Visuais da Escola Básica e Secundária Quinta das Flores (Coimbra), surgiu no âmbito de uma das campanhas realizadas pela Equipa Multidisciplinares Especializadas para a Assistência a Vítimas de Tráfico de Seres Humanos (EME) Centro, designadamente relativa ao “Dia Mundial Contra o TSH”, que se assinala, todos os anos, a 30 de julho, visando consciencializar e despertar a população geral para esta realidade, muitas vezes, invisível.

Posts relacionados