Scroll Top

BANDEIRA AZUL IÇADA PELO 32.º ANO CONSECUTIVO NA PRAIA DA TOCHA

Município investiu na aquisição de uma moto 4x4
Webp.net-resizeimage (14)

Foi hasteada esta quarta-feira, 22 de junho, pelo 32.º ano consecutivo, a Bandeira Azul na Praia da Tocha, que vê assim mais uma vez reconhecida a sua excelência balnear, reforçada novamente pela distinção da Quercus com a classificação de “Qualidade de Ouro”. 

A qualidade da água é de resto uma das razões que está na base da atribuição da Bandeira Azul, pela Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE), a par de outras exigências imperativas no que diz respeito à segurança e serviços, gestão ambiental e dos equipamentos, bem com à informação e educação ambiental.

Desta forma, o reconhecimento da qualidade balnear da Praia da Tocha assenta no integral cumprimento dessas exigências, como comprovam o elevado nível qualitativo da água do mar, a irrepreensível limpeza dos areais, as boas condições de acesso, o alto padrão dos serviços prestados aos utentes, bem como a existência de equipamentos socioculturais, com destaque para a Biblioteca de Praia, e a oferta de um diversificado programa cultural que inclui um variado leque de atividades de animação.

Ao intervir na sessão, o vice-presidente da Câmara Municipal de Cantanhede reforçou que as distinções que a Praia da Tocha tem somado ao longo dos anos resultam da frutuosa parceria do Município com diversas instituições.

Só com esta conjugação de esforços é possível proporcionar as melhores condições a quem nos visita”, começou por referir Pedro Cardoso, sublinhando que a Praia da Tocha cumpre em toda a linha os exigentes requisitos subjacentes à atribuição da Bandeira Azul.

A qualidade deste ex-libris é uma mais-valia, mas também reflete a aposta estratégica da Câmara Municipal de Cantanhede no reforço da atratividade da Praia da Tocha como destino balnear de qualidade, sendo disso exemplo a construção de novos passadiços, empreitada que ascende a 266.533 euros e que tem como objetivo o reforço e recuperação do cordão dunar, ou a recente e profunda requalificação do Parque Desportivo, cujo investimento do Município de Cantanhede ascendeu a 358.636 euros”, acrescentou.

O autarca destacou ainda o investimento na aquisição de uma moto 4×4, meio complementar de vigilância, socorro e salvamento considerado essencial para uma rápida movimentação de recursos (humanos e materiais), possibilitando aos nadadores-salvadores respostas a situações pontuais de afogamento com tempos muito inferiores aos de uma movimentação apeada.

Este veículo permitirá ainda reforçar as ações de vigilância e patrulhamento nas frentes de praia não vigiadas e diminuir significativamente o desgaste físico aquando dessas movimentações (corrida pelo areal), melhorando claramente o desempenho dos profissionais dentro de água (diminuição do tempo de aproximação e abordagem ao náufrago), aumentando as taxas de sucesso no resgate de vítimas de afogamento.

Presente na cerimónia, o comandante da Capitania do Porto da Figueira da Foz, João Lourenço, destacou também o facto de a Praia da Tocha “reunir todas as condições de segurança para os banhistas”, apelando à população para que frequente praias vigiadas.

Já o presidente da Junta de Freguesia da Tocha, José Manuel Cruz, manifestou o desejo de “uma excelente época balnear”, reiterando que a atribuição da Bandeira Azul “é um sinal de que estão reunidas todas as condições para receber os veraneantes”. 

Juntamente com a Bandeira Azul e a bandeira “Qualidade de Ouro 2022”, foram içadas a Bandeira Praia Acessível e a Bandeira ColorADD, que promove a inclusão e integração das pessoas com daltonismo nos espaços balneares.

Posts relacionados