Scroll Top

PEDRO GORDO “NÃO TENHAM MEDO TODOS OS QUE AMAM A MÚSICA DE PARTICIPAR NESTE CONCURSO. ELE FOI PARA MUITOS O PRIMEIRO PASSO DE EXCELENTES CARREIRAS”

ENTREVISTAS

Pedro Gordo é vice-presidente do Clube DOMUS NOSTRA com a responsabilidade da organização e com a responsabilidade direta do concurso NostraCantores. 

Que representa para ti o regresso do NOSTRACANTORES?

Representa antes de mais, o regresso de um grande evento do nosso plano de atividades anuais do DOMUS NOSTRA, já que é um evento diferenciador, direcionado para um escalão etário que vive a música intensamente e também os espetáculos musicais e que procuram nesses momentos, a sua oportunidade para mostrar o seu talento enquanto cantores, ou mesmo o sonho de poderem um dia chegar a outros palcos ainda maiores.

 

Achas que este evento marca, tem marcado, a diferença no que toca à música no concelho?

Não tenho dúvida que sim.

Julgo não estar errado, mas não conheço no nosso concelho e até noutros mais próximos, eventos deste género onde os mais jovens se propõem a interpretarem músicas (não originais) para serem avaliados e pontuados por um júri.

Muitos dos jovens que participaram ao longo das edições anteriores têm sido convidados para vários espetáculos e interpretação em muitos outros eventos musicais, o que por si reflete que é uma montra de jovens promessas da canção no concelho e mesmo na região, como já tem acontecido com alguns participantes hoje em projetos bastante importantes na música.

 

Que esperas desta edição de 2022?

Espero o mesmo de sempre…

Uma noite de grandes intérpretes, de muitas amizades construídas e outras reforçadas entre todos os participantes e ainda um excelente espetáculo de música, cor e muitas emoções para todos os que assistirem.

Vamos ter um espaço pela primeira vez ao ar livre, mas acreditamos que vamos ter uma noite de agosto a convidar sair para assistir a uma excelente noite de canções.

 

Ter o André Ferreira com braço direito é sinal de sucesso?

É sinal de ter as pessoas certas connosco e ter também os melhores a trabalhar num projeto onde só aí cabem os melhores que temos no concelho e até além dele.

O André é um jovem que conheço há muitos anos, cheio de talento e uma capacidade acima da média para estas organizações e para estar na direção artística e musical de um evento deste nível.

Ele cria sempre uma relação incrível com os participantes, inova e projeta este evento para um nível que este clube gosta de ter em todas as suas organizações.

Em suma, o André é a pessoa certo, no evento certo e é um gosto enorme em tê-lo connosco neste projeto, assim como outros grandes profissionais e amantes da música que o acompanham na nossa organização do NOSTRACANTORES

 

Que mensagem podes deixar para os concorrentes ou potenciais concorrentes desta iniciativa?

A mensagem e a certeza de que mais uma excelente noite, um grande espetáculo de som e luz estará preparado para os receber, assim como um júri de insuspeita qualidade musical estará, como sempre, preparado para avaliar todos os concorrentes participantes.

Finalmente, a mensagem que repito sempre e que é da admiração que tenho por todos os jovens que participam, pelas famílias e todos os que corajosamente se submetem a um concurso onde se avaliam alguém e neste caso uma interpretação musical.

Não é fácil julgar, tão pouco ser julgado nestas circunstâncias, porque tal como em tantos outros momentos na nossa vida, as expectativas que temos e quem nos acompanha também as tem, não vão por vezes ao encontro da avaliação que o júri possa fazer.

Por isso, não tenham medo todos os que amam a música e sobretudo gostam de cantar, de participar neste concurso, porque para muitos já foi o primeiro passo de excelentes carreiras enquanto intérpretes a nível individual ou mesmo em bandas.

Posts relacionados