Scroll Top

“NOITES DE VERÃO” REGRESSAM À PRAÇA DO COMÉRCIO ÀS QUINTAS, SEXTAS E SÁBADOS

DO OUTRO LADO

Após um breve interregno para a realização da Feira das Cebolas, as “Noites de Verão”, que se iniciaram a 14 de julho, estão de regresso à Praça do Comércio com programação todas as quintas, sextas e sábados, até ao dia 01 de outubro. Pelas 21h30, os espetáculos musicais abrangem o universo do fado e da canção de Coimbra, o folclore e outros ritmos, assim como o segmento das bandas.

Prosseguindo o objetivo estratégico de eleger a Baixa de Coimbra como território prioritário de intervenção cultural no envolvimento dos agentes locais (comércio local e meio artístico) e da implementação de uma programação diferenciadora e impactante, a Câmara Municipal (CM) de Coimbra realiza semanalmente, às quintas, sextas e sábados, sempre pelas 21h30, o ciclo de eventos “Noites de Verão”.

Após um breve interregno para a realização da Feira das Cebolas, as “Noites de Verão”, que se iniciaram a 14 de julho, estão de regressa na próxima quinta-feira, 25 de agosto, à Praça do Comércio, com o Fado ao Centro. Já no dia 26 de agosto vai atuar Django Land; e no dia 27 o Grupo Folclórico e Etnográfico da Casa do Povo de Ceira.

Até 31 de outubro, a oferta contempla ainda a Secção de Fado da Associação Académica de Coimbra (01 e 29 de setembro), o grupo àCapella (08 de setembro), a Orquestra de Sopros de Coimbra (15 de setembro) e a Escola de Fado de Coimbra (22 de setembro). Juntam-se ainda a esta oferta cultural vários grupos de folclore sediados no concelho, como o Rancho Típico de Vila Nova e o Grupo Folclórico e Etnográfico de Cova do Ouro e Serra da Rocha (03 de setembro), o Grupo Folclórico “Os Camponeses de Vila Nova” e o Grupo Folclórico e Etnográfico “As Tecedeiras de Almalaguês” (10 de setembro), o Grupo Folclórico da Casa do Pessoal da Universidade de Coimbra e o Rancho Típico da Palheira (17 de setembro) e a Serenata Futrica do Grupo Etnográfico da Região de Coimbra (24 de setembro).

Enquadrando-se numa lógica de diversidade e inclusão, e de modo a alcançar diferentes públicos, o programa artístico acolhe ainda os projetos Wipe Out Beat (02 de setembro), The Twist Connection (09 de setembro), Arcos D’Almedina (16 de setembro), Hummingbird (23 de setembro) e Supra Soul (30 de setembro). A fechar, a 01 de outubro, pelas 22h00, o Festival “Correntes de um só rio”, que deslocaliza, a título excecional neste dia, do Convento São Francisco para a Praça do Comércio, o espetáculo “(En)canto às Ilhas de Bruma”.

Para mais informações sobre esta iniciativa, os interessados devem consultar os canais de comunicação da Câmara Municipal (redes sociais) ou contactar a organização através do telefone 239 702 630 ou do email cultura@cm-coimbra.pt.

Posts relacionados