Scroll Top

MUSEU MUNICIPAL DE COIMBRA CELEBRA CARLOS PAREDES E ASSINALA O CARNAVAL DURANTE O MÊS DE FEVEREIRO

DO OUTRO LADO

O Museu Municipal de Coimbra (MMC) vai celebrar, este mês de fevereiro, o 98º aniversário do nascimento de Carlos Paredes. Uma iniciativa que vai decorrer no dia 18, na Casa da Escrita, e conta com o visionamento do filme “Os Verdes Anos”, de Paulo Rocha, e a interpretação da sua banda sonora, inteiramente composta por temas de Carlos Paredes, por Bruno Costa e Hugo Gamboias, acompanhados à viola por Nuno Botelho. O MMC oferece, como habitualmente, um conjunto de atividades gratuitas dirigidas ao público infantil, que decorrem de terça a sexta-feira em vários espaços expositivos da cidade. A oficina Artsketchers também regressa ao Centro de Arte Contemporânea, no dia 25, já com uma nova exposição.

 

No dia 16 de fevereiro completa-se o 98º aniversário do nascimento de Carlos Paredes. Para assinalar a data, o MMC propõe um programa evocativo, a realizar no sábado, dia 18 fevereiro, com o visionamento do filme “Os Verdes Anos”, de Paulo Rocha, cuja banda sonora é inteiramente composta por temas deste mestre da guitarra portuguesa. No final da sessão, Bruno Costa e Hugo Gamboias, acompanhados à viola por Nuno Botelho, vão apresentar uma interpretação fiel e integral da banda sonora do filme, tocando com as guitarras que Carlos Paredes legou à cidade. Inês Graça junta-se, depois, aos músicos, para a interpretação do tema “Os Verdes Anos”, conforme se apresenta no filme. 

 

Já no dia 25 de fevereiro, a oficina de desenho assistido Artsketchers regressa, das 16h00 às 17h00, ao Centro de Arte Contemporânea de Coimbra (CACC), já com uma nova exposição a revelar em breve. Recorde-se que é necessário reservar lugar e os participantes têm de levar material de desenho. A iniciativa é para maiores de 18 anos, a inscrição é gratuita, mas as vagas são limitadas. A inscrição pode ser feita através do telefone 239 828 052 ou do e-mail: centroartecontemporanea@cm-coimbra.pt

 

O dia 25 é, também, o quarto sábado do mês e, como tal, há acesso livre a todos os núcleos do MMC e ao CACC, promovendo-se, assim, a acessibilidade a todos os públicos.

 

Quanto ao público infantil, o MMC propõe seis atividades, durante o mês de fevereiro, para crianças do pré-escolar e do Ensino Básico. Todas essas atividades são gratuitas, mas requerem marcação prévia através do telefone 239 840 754 ou do e-mail museu.municipal@cm-coimbra.pt. É o caso da oficina “Médicos da Arte”, que pretende não só dar a conhecer as obras e os temas da coleção Telo de Morais, mas sobretudo chamar a atenção para os cuidados a ter na preservação das obras. Os jovens “médicos” são chamados a vestir a bata, por a máscara e observar os “pacientes”. A oficina vai decorrer no Edifício Chiado, de terça a sexta-feira, às 10h30 e às 14h30.

 

 A oficina “O Augusto quer ser arquiteto” é outra das propostas para este mês. Trata-se de uma atividade de leitura e exploração do recém-inaugurado Parque Manuel Braga, com enfoque no coreto da autoria do arquiteto Augusto de Carvalho Silva Pinto. O ponto de encontro é no parque, junto à ponte de Santa Clara. O horário é de terça a sexta-feira, às 10h30 e às 14h30. Entretanto, na Torre de Almedina, vai continuar a oficina de expressão plástica em torno da seteira. “E o que é a seteira?”, pergunta-se. A seteira faz parte do sistema defensivo da Torre, pois era de lá que os soldados lançavam as setas aos inimigos, mas o objetivo é que a resposta seja dada pelos mais novos da forma mais criativa. O horário é de terça a sexta-feira, das 10h00 às 16h00.

 

As atividades para os mais novos estendem-se, em fevereiro, à Sala da Cidade. O projeto “Como ler um livro?” é organizado pelo Museu Municipal e pelo CACC em colaboração com o serviço educativo da Biblioteca Municipal de Coimbra. É um desafio lançado aos participantes para ‘desenharem’ a forma, o sítio e o modo preferidos para lerem os seus livros. Esta atividade tem como objetivo reforçar a importância do livro e das posições de leitura. No decurso da atividade vai ser lançado um outro desafio, intitulado “Como lê o meu amigo?”. Os participantes vão ser convidados a adivinhar de que forma o outro gosta de ler, teatralizando a posição. O horário é de terça a sexta-feira, das 13h00 às 16h00.

 

O MMC organiza, ainda, neste mês de fevereiro, uma Oficina de Carnaval, de 22 a 24. O público-alvo são os alunos do 1º ciclo do Ensino Básico. Os participantes são convidados a disfarçarem-se de rei, rainha ou soldado, para defender o castelo. Os mais novos poderão ficar a conhecer o Museu e participar numa oficina de expressão plástica. O horário é de terça a sexta-feira das 10h00 às 16h00. 

 

A oficina “Veste-te de matemática!”, que tem por base a exposição “2 Pernas de Uma mesma Cadeira”, é também uma novidade. A iniciativa pretende levar os mais novos à descoberta de pinturas onde a matemática marca presença. O público-alvo vai desde o pré-escolar até ao 2º ciclo. O horário é de terça a sexta-feira, às 10h00 e às 16h00. 

 

Importa, ainda, lembrar que a exposição coletiva de pintura de José Fonte e Márcio Costa, com o título “2 Pernas de Uma mesma Cadeira”, está patente até ao próximo dia 5 de março na Sala de Exposições Temporárias do MMC, no Edifício Chiado. Este sábado, dia 4 de fevereiro, às 15h00, os pintores vão participar numa visita acompanhada à exposição. Os interessados só têm de se inscrever pelo telefone 239 840 754 ou através do e-mail museu.municipal@cm-coimbra.pt.

Posts relacionados