Scroll Top

FIGUEIRA HOMENAGEIA MANUEL FERNANDES TOMÁS

DO OUTRO LADO

Decorreu na Praça 8 de Maio, pelas 17h30, do dia 24 de agosto, a cerimónia de homenagem a Manuel Fernandes Tomás, o grande impulsionador da revolta iniciada no Porto, a 24 de agosto de 1820, reconhecida, então, em todo o território nacional, e responsável pela instauração do regime liberal em Portugal.

Pedro Santana Lopes, Presidente da Câmara Municipal da Figueira da Foz, na sua intervenção, aludiu “à época de caos em que vivemos”, onde ambiente, economia, saúde, justiça e paz, a nível planetário, se encontram em desordem, tornando-se primordial “avivar exemplos cimeiros, exemplos de intenção como foi o caso de Manuel Fernandes Tomás”, num apelo à mudança, à defesa da separação dos poderes, à contestação das palavras ultras e dos anarquistas. Terminou referindo que “os grandes homens e verdadeiras mulheres se encontram num ponto que lhes é cimeiro: direito à liberdade e garantias daqueles que mais precisam”, ressalvando o facto de no presente ano, o Município da Figueira da Foz estar a preparar iniciativas que assinalem os 200 anos volvidos após a morte do “patriarca da liberdade portuguesa”, a 19 de novembro de 1822.

Antes, porém, tomaram da palavra, após a deposição da coroa de flores no conjunto monumental onde estão depositados os restos mortais do “patriarca da liberdade”, António Ambrósio (em representação do Presidente da Associação Cívica e Cultural 24 de Agosto); Fernando Cabecinha (Grão- Mestre do Grande Oriente Lusitano); José Manuel Martins (Primeiro Secretário da Associação Manuel Fernandes Tomás); Filipe Thomaz (Familiar do homenageado) e Pedro Santana Lopes (Presidente da Câmara Municipal da Figueira da Foz).

Presentes na homenagem, José Duarte Pereira (Presidente da Assembleia Municipal); Olga Brás e Manuel Domingues (Vereadores do Executivo Municipal); Carlos Monteiro (Vereador não Executivo); Presidentes de Juntas de Freguesia e várias entidades civis e militares, entre outros convidados.

O acompanhamento musical esteve assegurado pela Banda Filarmónica Figueirense.

Posts relacionados