Scroll Top

CM DE COIMBRA FORMALIZA PROTOCOLO PARA POTENCIAR PRÁTICA DE NATAÇÃO E PARA CRIAÇÃO DE CENTRO DE ALTO RENDIMENTO

DO OUTRO LADO

O presidente da Câmara Municipal de Coimbra, José Manuel Silva, formalizou, no passado dia 6 de outubro, no Salão Nobre dos Paços do Município, um protocolo de cooperação com a Federação Portuguesa de Natação (FPN) e a Associação de Natação de Coimbra (ANC) para potenciar a prática de natação e para a criação de um centro de alto rendimento de natação em Coimbra. A cerimónia contou com a presença do vereador do Desporto, Carlos Matias Lopes, do presidente da FPN, António Silva, do presidente da ANC, Miguel Oliveira, e ainda do vice-reitor da Universidade de Coimbra (UC), António Figueiredo, e do presidente do Instituto Politécnico de Coimbra (ICP), Jorge Conde, uma vez que a UC e o IPC também formalizaram um protocolo com a FPN e a ANC. 

No sentido de potenciar a prática de natação, a CM de Coimbra, a FPN e a ANC formalizaram, no passado dia 6 de outubro, um protocolo de cooperação. Antes da formalização dos protocolos, José Manuel Silva saudou a concretização deste momento “que vai permitir a criação de um centro de alto rendimento de natação em Coimbra”, acrescentando ainda a importância do “restabelecimento das boas relações” entre a autarquia e a FPN. O presidente da CM de Coimbra sublinhou ainda o facto de Coimbra “ser uma cidade de excelência para a prática de desporto de alto rendimento, sobretudo em estreita parceria com as várias instituições da cidade”, facto corroborado quer por António Silva quer por Miguel Oliveira. Por sua vez, o vereador do Desporto, Carlos Matias Lopes, manifestou a “alegria” da autarquia que vai ser “capaz de atrair os melhores nadadores nacionais e internacionais”. As especificidades do Centro Olímpico de Piscinas Municipais, considerada uma das melhores do país para a prática de natação, foi outro dos fatores distintivos para o facto de Coimbra ser o local escolhido para a acolher este centro de alto rendimento. 

Na mesma cerimónia foram ainda assinados outros dois novos protocolos entre a UC, a FPN e a ANC e entre o IPC, a FPN e ANC. 

Recorde-se que a CM de Coimbra aprovou, na Reunião de Câmara de 25 de julho, o protocolo hoje formalizado com o “intuito da criação de parcerias, tendentes ao desenvolvimento desportivo do concelho e ao desenvolvimento da prática da Natação, em todas as suas disciplinas”, pode ler-se na informação dos serviços municipais. “Para o alcance deste objetivo, e dada a existência no Município de infraestruturas desportivas de excelência concebidas com condições para a prática desportiva ao mais alto nível, é necessária a criação de sinergias com as entidades que tutelam as modalidades, e que sem esta articulação não era possível continuar num percurso dinâmico em termos de Alto Rendimento. A presença de atletas de alta competição também irá potenciar os interesses desportivos dos atletas do Município, criando novos horizontes e metas a alcançar”, acrescenta a mesma informação.

O município compromete-se a “disponibilizar, dentro das possibilidades, o espaço necessário no plano de água e no ginásio, para realização da atividade, para a realização dos Estágios das Seleções Nacionais das Disciplinas Aquáticas associadas à FPN, e para a organização de eventos de âmbito nacional e internacional, de acordo com condições previamente acordadas; promoção e gestão, inerente à implementação de projetos específicos de desenvolvimento de qualquer disciplina da Natação, bem como da formação de diversos agentes desportivos”, pode ler-se na informação.

Já a FPN compromete-se a disponibilizar atempadamente “a calendarização anual dos estágios das Seleções Nacionais da FPN em todas as suas disciplinas, bem como dos eventos Nacionais e Internacionais previstos, para devida análise e validação, com documento comprovativo de candidatura no que se refere aos eventos internacionais; a apoiar institucionalmente e no âmbito das capacidades da FPN, a organização de eventos de nível nacional e internacional no concelho de Coimbra; a apoiar tecnicamente o desenvolvimento dos projetos; disponibilizar conteúdos de interesse para a promoção e desenvolvimento da Natação nas suas várias disciplinas, associando a modalidade à Autarquia de Coimbra; e a garantir acesso a uma formação anual do Plano de Formação, aos Técnicos Superiores de Desporto”. Por seu turno, a ANC compromete-se a “garantir a gestão dos espaços cedidos pela Câmara Municipal de Coimbra para a atividade do Centro de Alto Rendimento e em toda a atividade inerente ao presente protocolo; garantir acesso a uma formação anual do Plano de Formação, aos Técnicos Superiores de Desporto; organizar e dinamizar dois eventos anuais nas disciplinas de Natação Pura e Águas Abertas”.

Posts relacionados