Scroll Top

BOMBEIROS DE MONTEMOR-O-VELHO CELEBRARAM 92º ANIVERSÁRIO 

DO OUTRO LADO

A sessão solene de aniversário da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Montemor-o-Velho (AHBVMV), realizada no dia 24 de fevereiro, foi um dos momentos altos das comemorações do 92º aniversário que, durante o mês, promoveu momentos que evocaram a história, os laços da corporação montemorense e a sua ligação à comunidade.

O presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, Emílio Torrão, ao reconhecer a dedicação da AHBVMV, do Comandante e do Corpo de Bombeiros, reforçou que os bombeiros “são uma importante força da Proteção Civil que devia ser mais reconhecida” e que a corporação montemorense “é, diariamente, um exemplo de resiliência, que trabalha para cuidar e reforçar o sentimento de segurança da comunidade”.

Ao receber a medalha de ouro da AHBVMV, Emílio Torrão reiterou que “mais do que uma distinção pessoal, esta é uma homenagem à dedicação, entrega e trabalho do Executivo, dos dirigentes municipais e dos trabalhadores do Município”.

Na sessão solene, a AHBVMV atribuiu também as medalhas de serviços distintos – grau prata a Fernando Carvalho, aos bombeiros voluntários, a António Cachulo da Trindade e a Hélder Araújo.

A Liga dos Bombeiros Portugueses concedeu as condecorações de bombeiros e o crachá de ouro ao comandante Joaquim Carraco (atribuído por proposta do Presidente da direção da AHBVMV e aprovada por unanimidade em reunião de direção).

O V Torneio Comandante Ernesto Crispim, uma colheita de sangue, a romagem aos cemitérios do concelho, a missa comemorativa do 92º aniversário e a concentração e a formatura no Quartel 2, em Arazede, foram alguns dos momentos do programa comemorativo do aniversário de 2024.

Recorda-se que, em janeiro deste ano, o Executivo Municipal aprovou, por unanimidade, em Reunião de Câmara, um reforço da verba a atribuir à AHBVMV, representando um aumento de 5 mil euros em relação a 2023, ascendendo aos 102 mil euros para despesas correntes e disponibilizando ainda cerca de 18 mil euros para despesas de capital.

Posts relacionados