Scroll Top

“1º MEETING GERAÇÕES EMPREENDEDORAS” DESPERTA EMPREENDEDORISMO DE DESEMPREGADOS E JOVENS ESTUDANTES

DO OUTRO LADO

O “1.º Meeting Gerações Empreendedoras”, dinamizado pelo projeto iMontemor4G – Programa CLDS 4G, lotou o auditório da Biblioteca Municipal Afonso Duarte, em Montemor-o-Velho. Empreendedorismo, ideias de negócios ou a partilha de experiências de empresários, nas TedTalks, foram algumas de temáticas abordadas, no dia 30 de março.

Ao destacar a presença de “muita juventude” na iniciativa, Célia Craveiro, adjunta do Presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, na abertura da sessão e dirigindo-se aos/às jovens estudantes e ao público presente, desejou: “que seja um momento de aprendizagem profícuo e que esta seja uma experiência útil para o vosso futuro e para vos ajudar a ficar mais perto da concretização dos vossos sonhos”.

A sessão iniciou-se com a intervenção de Alexandre Almeida, formador na área do empreendedorismo, seguindo-se a apresentação de algumas ideias de negócio acompanhadas pelo projeto iMontemor4G – Programa CLDS 4G, nas áreas da estética, saúde e digital, tendo terminado com a dinamização de TedTalks, com o testemunho de empresários nas áreas da Agricultura/Agropecuária (Paulo Valente, Casa Valente) e da Informática (Carlos Mendes, Servidor Informática).

Recorda-se que o “1.º Meeting Gerações Empreendedoras”, contou com a presença de empreendedores/as adultos/as em situação de desemprego (destinatários/as da atividade 3 – Centro de Produção Local do Baixo Mondego) e das turmas, do 12º ano, dos Cursos Técnico/a de Gestão de Equipamentos Informáticos e Técnico/a Apoio à Gestão Desportiva, do Agrupamento de Escolas de Montemor-o-Velho e, das turmas de 10º ano, dos Cursos de Técnico/a de Multimédia e Técnico/a de Produção Agropecuária, da Escola Profissional de Desenvolvimento Rural do Baixo Mondego (destinatários/as da atividade 6 – Lado a Lado).

 

O iMontemor4G (Projeto CLDS 4G) é um projeto desenvolvido em parceria alargada, que tem como entidade promotora a Câmara Municipal de Montemor-o-Velho, como entidade coordenadora a AD ELO – Associação de Desenvolvimento Local da Bairrada e Mondego, e como entidades executoras a Associação Fernão Mendes Pinto, a Santa Casa da Misericórdia de Montemor-o-Velho e a Casa do Povo de Arazede.

Posts relacionados